Cria, Brasília! Saiba onde alugar maquinários para criação de roupas e acessórios

10/09/2018

Muitos jovens têm o sonho de criar roupas e acessórios, mas o investimento que a fabricação destes produtos requer muitas vezes tornam este desejo inviável. Para se ter uma ideia, uma máquina de costura caseira não sai por menos de R$ 800 e o custo de maquinários para corte a laser, muito utilizado na confecção de acessórios, parte dos cinco dígitos. Contudo, alguns estabelecimentos de Brasília oferecem o aluguel desses equipamentos a preços bem acessíveis.

 

O Makerspace da Thomas Jefferson, localizado na 606 Norte, disponibiliza quatro máquinas de costura Brother, uma cortadora a laser, duas plotters e duas impressoras 3D para aluguel. Antes de usar os equipamentos, os interessados devem fazer um curso para aprender a manuseá-los, mas as aulas são gratuitas.

 

 

 

 

Com a cortadora a laser é possível dar forma à materiais como MDF, madeira, compensado, acrílico, couro natural, papel, tecido e papelão, não ultrapassando 9 milímetros de espessura e uma área de 100 x 60 cms. Já com a plotter, muito utilizada para a criação de peças para cosplay, é possível cortar vinil (até 0,2 mm), papel (até 0,8 mm), acetato (até 0,2 mm), manta magnética (até 0,3 mm) e EVA (até 1,0 mm).

 

Com a impressora 3D é possível criar qualquer forma cuja as dimensões não ultrapassem 25 cms. As possibilidades são infinitas, mas o instrutor Caio Barros chama a atenção para o tempo que esse equipamento demanda. “A impressora é um excelente recurso, mas não é um processo ágil. Às vezes, o que é feito na impressora 3D em dois dias é feito na máquina de corte a laser em 30 minutos, apenas adequando o projeto”, relata.

 

O preço cobrado para usar as máquinas de costura é de R$ 2,50 a hora. O manuseio da máquina de corte a laser sai por R$60 a hora e da plotter custa R$ 15. A impressora 3D é alugada por R$ 30/h. “Esses maquinários jamais vão se pagar, mas nosso intuito não é esse. Nosso objetivo é transmitir conhecimentos e disponibilizar recursos. Como é um projeto sem fins lucrativos, trabalhamos com preços simbólicos”, explica Caio

 

 

O Senai Fashionfab, primeiro coworking desenvolvido para amparar os designers do Distrito Federal, oferece vários serviços de modelagem, prototipagem, elaboração de fichas técnicas e aluguel de equipamentos. Instalada no Senai Taguatinga, em uma área de 52 metros quadrados, a infraestrutura de economia colaborativa é voltada a estudantes e a empresários do vestuário.

 

Estão disponíveis para locação 25 equipamentos essenciais para o desenvolvimento de peças, como máquinas de costura convencionais, eletrônicas e botoneiras. Os equipamentos são os mesmos utilizados nos cursos de vestuário oferecidos pela instituição. Quem precisa de auxílio específico para desenvolvimento e produção de peças, ainda pode contratar, por hora-aula, instrutores do Senai.

 

O Espaço 365 também trabalha com aluguel de diversos equipamentos que podem ser utilizados para criação de acessórios. Lá é possível utilizar uma cortadora a laser (R$3 o minuto), impressora UV (R$ 3,50 o minuto), dobradeira de acrílico (R$ 0,60 o minuto) e plotter (R$ 0,60 o minuto).

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Ícone Instagram
Instagram
  • Branco Facebook Ícone
Facebook

© 2018 SINDIVESTE - SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DO VESTUÁRIO DO DF