Fabricantes de máquinas de tricô 3D italianos estão revolucionando o design de calçados

Fabricantes de máquinas de tricô 3D da Itália desenvolveram novos processos para produzir cabedais de calçados de forma rápida e sem resíduos, para atender à crescente demanda global por calçados esportivos e de moda com a parte superior de malha.

A fabricante de máquinas de tricô Cesare Colosio lançou a S1, uma máquina de tricô circular com base na sua tecnologia de meias de tricô sem costura Argyle Intarsia, que a empresa diz que iniciou um novo padrão tecnológico que está se tornando cada vez mais difundido no mundo.

 
Alta performance e sustentabilidade

De acordo com a empresa, sediada Brescia, o sistema S1 acelera a performance com resultados sem precedentes e a parte superior do calçado pode ser produzido a cada 5 a 7 minutos. A tecnologia permite a produção de cabedais para qualquer tipo de aplicação e permite desenhos intermináveis ​​e combinações de cores, sem produzir qualquer resíduo que seja.

O sistema S1 elimina o desperdício de uma forma muito sustentável, diz a empresa, tanto a partir de uma economia e um ponto de vista ambiental, oferecendo um sistema que reduz o consumo e aumenta a produção. De acordo com a Colosio, além de velocidade, flexibilidade e desperdício zero, a nova tecnologia também oferece outras vantagens importantes como a simplificação da cadeia de fornecimento, com as consequentes reduções de custos.

 

 

Já a empresa italiana Sandonini, especializada em máquinas de tricô sem costura para meias, meias calças e roupas, lançou sua nova máquina ShoeSocks 3D, que produz todo o corpo do calçado no formato de uma meia em minutos, utilizando fios de poliéster, lã, algodão entre outros misturados com fios elásticos.

A empresa desenvolveu o seu novo conceito ShoeSocks, usando uma máquina que produz meias. A empresa diz que sua nova máquina ajuda a reduzir os custos de produção, reduzindo o tempo e desperdício. Os calçados ShoeSocks são personalizáveis, diz o proprietário da empresa e CEO, Fiorenzo Sandonini.

“Eles podem ser feitos em tecido jacquard de malha com vários padrões gráficos e com um logotipo numa cor diferente. Tanto o interior e o exterior do ShoeSock podem ser criadas usando qualquer fio, a partir de poliéster, nylon e polipropileno, de algodão, lã, viscose, Lycra, e mais”.

O corpo do sapato de malha 3D é feito de uma só peça e está pronto para se ajustar sobre qualquer tipo de sola. Pode ser fabricado em três minutos, e o processo de produção é livre de resíduos, e está disponível em qualquer cor ou design, a tecnologia flexível permite a criação de qualquer tipo de pontos de tricô, bem como a mudança rápida de estilo, modelo e tamanho, de acordo para a empresa. Veja mais no site da Sandonini.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Ícone Instagram
Instagram
  • Branco Facebook Ícone
Facebook

SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DO VESTUÁRIO DO DF 

(61) 3234-0414

SIA trecho 04, lote 1130

Edifício SENAP I (Cobertura)

Guará - Brasília /DF     Cep: 71200040 

© 2018 SINDIVESTE - SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DO VESTUÁRIO DO DF