top of page
Buscar
  • sindivestedesign

MEI 2023: Conheça a chave do sucesso para quem microempreendedor!

O Microempreendedor Individual (MEI) veio para revolucionar a realidade de milhares de brasileiros. Instituído pela Lei Complementar nº128 em 2008, o MEI proporcionou inúmeros benefícios: CNPJ próprio, emissão de nota fiscal, possibilidade de contratação de um funcionário, entre outros.

De maneira mais detalhada, ser MEI é ter a oportunidade de formalizar-se, contratar crédito facilitado em grandes bancos, abrir conta empresarial, emitir notas fiscais, além de algumas coberturas previdenciárias, como a aposentadoria e o salário maternidade.


Quem pode ser MEI? Quais os requisitos?


Não é qualquer pessoa que pode ser MEI. Para encaixar-se como Microempreendedor Individual, é necessário atender alguns requisitos: faturar até R$ 81.000,00 por ano, não ser sócio ou titular de outra empresa, ter no máximo um empregado e exercer uma das atividades permitidas.

Importante lembrar, que o faturamento é contabilizado de janeiro a dezembro, não ultrapassando o valor estabelecido. Caso você resolva se formalizar durante o correr do ano, este valor deve ser proporcional a R$ 6.750,00 por mês, até 31 de dezembro do mesmo ano.


Como MEI é possível ter benefícios do INSS?

Sim! Com o MEI você passa a ter direito ao INSS, com todos os benefícios como: aposentadoria, salário maternidade, auxílio doença, entre outros. É importante reforçar que para ter acesso a tais benefícios é necessário estar com as contribuições em dia.

Posso contratar um funcionário sendo MEI?

Outra questão pertinente para quem é MEI, é a possibilidade de contratar um funcionário. Nesse caso, existe a possibilidade de contratação de um funcionário com salário mínimo ou piso da categoria. Porém, a pessoa contratada não pode ser seu cônjuge.

Outra questão importante é a possibilidade de emissão de notas fiscais (NFe) de produto ou serviço, de acordo com a categoria do seu MEI. A emissão não é obrigatória para consumidor pessoa física, apenas para outras empresas.

Conclusão

Em suma, apesar das regras existentes, o MEI veio para facilitar a vida do pequeno empreendedor que busca se formalizar, ganhar reconhecimento e tirar seus sonhos do papel. Além disso, com as contribuições em dia, possui benefícios do INSS que podem ser um diferencial.

Essas são apenas algumas das vantagens que o MEI proporciona. Para quem está iniciando seu próprio negócio, essa pode ser a oportunidade perfeita para iniciar com o pé direito em 2023.


Fonte: Jornal Dia

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

INFORMATIVO MPME Nº14

Programa "Desenrola Pequenos Negócios" promove Renegociação de Dívidas para MEIs, Micro e Pequenas Empresas O programa "Desenrola Pequenos Negócios" para renegociar dívidas de MEIs, micro e pequenas e

Commentaires


bottom of page